Iggy Azalea enfrenta internet e fase ruim com “Team”

2014 foi o ano de Iggy: number 1’s em todo lugar, Grammy. Artista do momento! … Em 2015, a australiana foi do topo ao poço, alvo dos maiores hater da internet e centro de discussões étnicas sérias. Vilã número um do mundo da música… Uma mudança drástica que, ela diz, a levou até a pensamentos suicidas. Incrível o quanto a indústria fonográfica e o mundo da fama pode construir heróis e monstros com um estalar dos dedos…

O porquê de sua decadência e de todo hate ao redor da rapper? Iggy é centro de uma discussão extremamente complicada sobre white privilege e apropriação cultural: uma rapper, branca e australiana (ou seja, distante do centro cultural usual do rap e do hip hop) recebe mais atenção da mídia e tem mais sucesso comercial do que rappers negras igualmente (ou até mais) talentosas que ela. Um problema real e que deve ser foco de discussão, mas a todo momento Iggy se distanciou do assunto, ironizando-o por muito tempo. Atitude errada em sua posição… O resultado já sabemos.

Bom… Em 2016 Iggy pretende lançar seu novo album “Digital Distortion”, e Team é seu primeiro lançamento do trabalho. A produção foge da sonoridade comercial das listas de mais ouvidas, mas ainda mantém o elemento eletrônico que não falha… Parece que ela está tentando voltar a sonoridade que tinha no começo da carreira, antes do sucesso, com pegada trap… Chamou o D.R.U.G.S., produtor com que trabalhava nessa época, pra ajudá-la nisso.

Um dance vídeo foi liberado para divulgar a música, seguindo a tendência de sucesso de Sorry (do Justin Bieber). O grupo de dança do vídeo é o de Tricia Miranda, sucesso absoluto no Youtube. Perco horas vendo as coreografias dela…

A letra é uma indireta pra todos os haters da internet! Iggy grita “Baby, I got me / This is all I need”. Poeticamente é forte e claramente direcionado a todos que desprendem energia tecendo comentários de ódio contra ela no Twitter… Estou super curioso pra saber qual a estratégia de marketing que usarão para reposiciona-la… Ansioso pra saber como ela vai reagir às perguntas sobre white privilege nas entrevistas que dará para divulgação do seu novo album… Vamos ver…

 

COMPARTILHAR
Thiago tem 25 anos, é comunicador e acredita que marketing é pra tudo e todos. Aquariano. Up Tempo. Amante da música, do entretenimento, da arte e da cultura pop. Movido por novidade! @thicerqueira

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário
Seu nome aqui