Buzzfeed nega 1.3 milhões de dólares em mídia de campanha política

Quando começamos o The Trend Killers nos inspiramos em alguns sites. O Buzzfeed é sem dúvida um deles. Conteúdo bom, diverso sem ter medo de se expor ao ridículo. Não é só entretenimento, é informação relevante e reflexão também. A partir de hoje admiramos ainda mais o site.

Hoje o CEO do site, Jonah Peretti, anunciou que terminaram um contrato de 1.3 milhões de dólares – 4.5 milhões de reais – com a campanha política de Donald Trump. De acordo com Peretti eles encerraram o acordo por conta das propostas política de Trump, entre elas, a proibição de viagens internacionais para muçulmanos. Para o buzzfeed isso significaria que seus funcionários não poderiam fazer seu trabalho, já que eles empregam muçulmanos e esse viajam.

“We certainly don’t like to turn away revenue that funds all the important work we do across the company. However, in some cases we must make business exceptions: we don’t run cigarette ads because they are hazardous to our health, and we won’t accept Trump ads for the exact same reason.” Jonah Peretti

Nós certamente não gostamos de rejeitar renda que faz do nosso trabalho possível. Entretanto, em alguns casos nós precisamos fazer exceções: nós não veiculamos anúncios de cigarros por eles serem prejudiciais a nossa saúde, e não aceitamos anúncios do Trump pela mesma razão.

A decisão ainda é incomum para empresas que dependem da venda de mídia, porém admirável. Condiz com o jeito inovador que o buzzfeed conduz seus negócios e cria conteúdo. Cada vez mais empresas tem focado em seu próprio propósito, criando uma política mais forte dentro do ambiente de trabalho e uma marca mais estruturada para seus consumidores. Afinal, hoje em dia olhamos muitos mais do que a qualidade e preço do produto na hora de fazermos uma decisão de compra ou consumirmos algo.

Vejam a matéria na integra aqui.

COMPARTILHAR
Morando em Amsterdam e sonhando com a vida de nômade digital. Amo filmes, séries, livros, contos em volta de fogueira, letras de música. Resumindo, toda boa história. Tudo que é novo me da energia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário
Seu nome aqui