PLAYBOY volta a publicar mulheres peladas

Em mais uma tentativa de voltar a criar relevância a marca que fez história na vida dos homens de hoje, a Playboy voltou atrás na sua decisão de parar de publicar fotos de mulheres nuas. Na edição de Março/Abril da revista sua capa carrega o título “Naked is normal” (Nu é normal).

A nova capa e nova diretriz da publicação não só levanta a discussão da necessidade do nu para atrair o público masculino àquele conteúdo mas chega até a mercantilizar movimentos que parecem ser genuínos sobre a ótica da aceitação do nu. Será que o “normal naked” da Playboy vai abraçar a diversidade de corpos? Dúvido bastante.

Entre as chamadas da capa, ainda, existe uma referência ao movimento Free The Nipple, tipicamente feminista e que ganhou a #hashtag que se popularizou, entre outras razões, pela discussão sobre a censura por parte de Instagram dos mamilos femininos nas imagens ali postadas. Mais um movimento que a revista parece se apropriar e acaba minimizando a importância… Ou será que foi uma ironia de mau gosto?

Image result for free the nipple

Só sei que parece que, em tempos de acesso fácil a nudez, a marca tem tido MUITA dificuldade em se manter relevante e centralizar a discussão na nudez parece não ser o ponto. O CEO Cooper Hefner, filho do lendário Hugh Hefner, chegou a admitir que “a forma que apresentavam nudez ficou antiquada, mas não era o problema.”

Se eles ainda tão nessa da nudez, quero ver qual vai ser a posição deles quanto as discussões de gênero ou sobre masculinidade versus feminilidade. Aí eles vão ficar perdidinhos…

COMPARTILHAR
Thiago tem 25 anos, é comunicador e acredita que marketing é pra tudo e todos. Aquariano. Up Tempo. Amante da música, do entretenimento, da arte e da cultura pop. Movido por novidade! @thicerqueira

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva seu comentário
Seu nome aqui